Nouvelle Maison

Amanhecemos nessa quarta-feira com a notícia do acerto de Neymar com o PSG após algumas semanas de negociações, negativas e mistério.

hqdefault

Com o desfecho dessa “novela”, teremos a oportunidade de ver o jogador brasileiro de maior destaque atualmente, atuando em um time onde ele, teoricamente, será a referência e terá a maior responsabilidade.

Porém, alguns questionamentos devem ser feitos sobre esse novo rumo na carreira do menino Ney: O que o motivou? O que espera obter com isso? Qual será o resultado dessa escolha?

Deixando o lado financeiro de lado uma vez que dinheiro a essa altura não é um problema para ele, vamos analisar o ponto de vista técnico.

Neymar atuava em uma equipe altamente competitiva, com jogadores de qualidade em suas posições e que toda temporada entrava para ganhar todo título que estivesse em jogo, sendo que no âmbito nacional, tinha como grande adversário o seu rival de Madrid.

Jogando agora na França, um campeonato de nível técnico muito inferior ao jogado na Espanha, estará em um time que, salvo raríssimas exceções (como a última temporada), nada de braçada e conquista o título com os pés nas costas.

O PSG não tem um rival à sua altura no âmbito doméstico, sendo assim, ganhar a Ligue 1 não deverá ser grande esforço para seu novo clube, sendo que isso não lhe trará reconhecimento pelo feito, ao contrário dos tempos de Barcelona, que temporada a temporada rivaliza ponto a ponto com o Real na disputa do título, tendo ainda ultimamente a presença do Atlético de Madrid na briga pela La Liga.

Sua escolha pode ter sido feita com a intenção de se tornar de fato o protagonista de um grande time, sendo o jogador mais acionado e reconhecido, saindo assim da sombra de Messi.

Tomada essa decisão, penso eu que o reconhecimento pelo seu futebol somente virá se o PSG conquistar um título a mais daquilo que já está habituado a vencer.

Neymar e seus novos companheiros terão que mostrar todas as suas qualidades, dando o retorno no investimento feito na montagem da equipe levando ela para as fases mais agudas da Liga dos Campeões, quando não, à conquista do título da mesma.

É esse o real objetivo traçado lá atrás pelos novos donos da equipe, que viram nas últimas temporada, seu clube ser eliminado pelos times de maior tradição e conquistas no cenário europeu, tendo sido, inclusive, vítima do Barcelona de Neymar na última temporada, levando aquela virada histórica após ter vencido a primeira partida por 4×0, em uma das maiores “amareladas” da história.

Com essa ambição, e diante do enorme investimento feito (222 milhões de euros!!!), os donos do PSG querem o retorno imediato em virtude do negócio feito, o que aumenta ainda mais a pressão e a exigência de Neymar corresponder em campo com um bom futebol, gols e títulos o mais rápido possível.

Somente com essa conquista e trazendo pra si a responsabilidade é que ele terá a oportunidade de figurar com chances reais de ganhar o prêmio de melhor jogador do mundo.

Outro ponto a ser questionado é se essa temporada seria a ideal para a transferência, visto que ao final teremos a disputa da Copa na Rússia.

Ele terá, em um ano, que se adaptar ao seu novo time, à sua filosofia e às competições que participará, isso sem mencionar a vida em um novo país, nova língua e cultura.

Fiquemos no aguardo dos primeiros resultados dessa escolha para então podermos analisá-los.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s